Recent-Post

"Continuamos à espera que o Estado nos devolva milhões de euros de IVA"


Diretor de comunicação do FC Porto deixou críticas à atuação do governo português no que diz respeito aos apoios no futebol.


A La Liga confirmou, esta quarta-feira, a realização de um acordo milionário com o fundo internacional CVC, que tem como objetivo principal a injeção de 2.700 milhões de euros nos clubes espanhóis, algo que levou Francisco J. Marques a pronunciar-se e a deixar críticas ao governo português. O responsável pela comunicação do FC Porto lembrou também que o clube azul e branco ainda está à espera que o Estado "devolva milhões de euros de IVA".


"Enquanto em Espanha os clubes de futebol vão receber uma "bazuca" de 2,7 mil milhões de euros, forma de combater os colossais prejuízos causados pela pandemia, em Portugal o futebol é asfixiado com uma carga fiscal que prejudica a competitividade das nossas equipas. Só agora, com o regresso parcial do público aos estádios, voltarão uma pequena parte das receitas perdidas. No caso do FC Porto a situação ainda é mais grave, pois continuamos à espera desde 31 de dezembro que o Estado nos devolva milhões de euros de IVA", começou por dizer nas redes sociais.


"Os mesmos responsáveis governamentais que se deixavam fotografar junto de dirigentes de futebol preparam-se para fazer o funeral do futebol português, por incapacidade de perceberem que se trata de um setor relevante na economia e competitivo no plano europeu", acrescentou ainda na publicação que escreveu no Twitter.

Enviar um comentário

0 Comentários